Aegen dá exemplo de Portugal como sucesso turístico e de crescimento...

Aegen dá exemplo de Portugal como sucesso turístico e de crescimento da companhia

0

Portugal foi dado por Dimitris Gerogiannis, CEO da Aegean, companhia aérea grega representada em Portugal pela Summerwind, como um bom exemplo de sucesso turístico, assim como para o crescimento de 12% no tráfego de passageiros no primeiro trimestre de 2018, representando um crescimento de 9% em comparação com o mesmo período de 2017, com os 1,3 milhões de passageiros transportados em voos internacionais a representar 16%, fruto do apoio e desenvolvimento do número de destinos atendidos durante a época baixa.
Esta aposta de desenvolvimento constante da rede da Aegen durante os meses de inverno visa igualmente a necessária extensão da temporada de turismo, seguindo a experiência de mais de 6 anos obtida com voos internacionais operados a partir de Kalamata, a expansão das suas operações de inverno para incluir voos internacionais para e a partir de Heraklion, em Creta, mais especificamente, em cooperação com os Operadores Turísticos, tendo realizado pela primeira vez voos internacionais durante o período de novembro a abril, de Creta a destinos internacionais na Alemanha, Áustria, Suíça e França.
Para Dimitris Gerogiannis “a maior utilização da capacidade turística durante os meses de inverno é vital não apenas para nossa empresa, mas também para o país, exigindo criatividade, esforços conjuntos e risco comercial que muitas vezes têm um custo inicial, de modo que a Grécia possa gradualmente alcançar o sucesso de países como Portugal no desenvolvimento do seu produto turístico durante os meses de inverno”, referindo ainda o CEO da Aegen que “da nossa parte, todos os anos nos esforçamos para melhorar e dar um passo adiante, pois sabemos que esta é a única maneira de continuarmos a ver os investimentos no nosso país em novos resorts turísticos de qualidade, projectos de infraestrutura e, claro, novos e eficientes aviões na nossa frota”.

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply