Emirates coloca A380 no serviço para Christchurch na Nova Zelândia

Emirates coloca A380 no serviço para Christchurch na Nova Zelândia

0

Os aviões A380 da Emirates irão voar entre o Dubai e a Nova Zelândia cinco vezes por dia, a partir de 30 de outubro. Os principais aviões de dois andares da companhia aérea vão assegurar o serviço de e para Christchurch.

A Emirates é a primeira companhia aérea a oferecer serviços regulares, operados por um A380, de e para Christchurch. Este voo vem substituir o atual serviço diário de Christchurch, operado pelo Boeing 777-300ER. A paragem em Banguecoque também será cancelada, o que permite aos passageiros viajarem entre Christchurch e o Dubai, com apenas uma paragem em Sydney.

A introdução do A380 nos voos de/para Christchurch coincide com a colocação de um A380 na rota direta entre o Dubai e Auckland. A Emirates assegura atualmente outros três serviços diários entre estas duas cidades, operados por um A380, e outros via Austrália (Sydney, Melbourne ou Brisbane).

O voo EK412 sairá do Dubai às 10h15m, com ligações a vários destinos europeus como Amesterdão, Barcelona, Londres, Manchester, entre outros contemplados pelo serviço da Emirates na Europa que abrange 38 cidades. O EK412 irá efetuar uma paragem em Sydney antes de aterrar em Christchurch às 13h50m do dia seguinte (hora local). O voo de regresso EK413 parte de Christchurch às 18h45m, e chega ao Dubai às 05h15m do dia seguinte, após uma paragem em Sydney, reduzindo o tempo de viagem para o Dubai e para a Europa em cerca de duas horas, em cada direção.

Ao mesmo tempo, o serviço do Dubai para Auckland, via Sydney, oferece aos viajantes a oportunidade de explorarem o sudeste asiático ou a Austrália durante a rota, uma vez que este serviço assegurado pelo EK418 vai passar pelo popular hub de Banguecoque e por Sydney. O voo EK418 sairá do Dubai às 08h55m e chegará a Auckland às 15h55m do dia seguinte (hora local). O serviço de regresso, via Sydney e Banguecoque, garantido pelo voo EK419, abandonará Auckland às 16h30m para aterrar no Dubai na manhã seguinte, às 06h:45m.

Entre outras atrações turísticas, destaque para o International Antarctic Centre, para a Christchurch Art Gallery e as viagens panorâmicas a bordo do comboio de passageiros Trans Alpine.

A Emirates é a única companhia aérea com serviços agendados durante um ano, garantidos por um A380, de e para a Nova Zelândia.

Todos os voos diários do A380 oferecem ligações, no Dubai, com voos diretos da Emirates de/para 38 destinos na Europa, bem como para uma série de cidades em África e no Médio Oriente. Em muitas das rotas da Emirates, os passageiros de Auckland e Christchurch poderão fazer toda a viagem num A380, em ambas as direções, inclusivé nos serviços de ligação entre a Nova Zelândia e Londres (Heathrow e Gatwick), Manchester, Paris, Amesterdão, Roma, Milão, Frankfurt, Munique, Barcelona e Zurique.

Com este novo serviço, os viajantes residentes em Sydney terão também acesso a uma maior oferta de rotas e horários relativamente aos voos operados pelos A380. O serviço de Christchurch assegurado pelo A380 vem juntar-se aos dois voos diários do A380 da Emirates e ao serviço do Dubai garantido pelo A380 do parceiro Qantas.

Todos os serviços da Nova Zelândia continuarão a oferecer três classes de viagem – Primeira, Executiva e Económica – com uma generosa franquia de bagagem  (até 35 kg em Económica, 40 kg em Executiva e 50 kg em Primeira Classe).

Os passageiros do A380 da Emirates, que viajam em Primeira Classe poderão usufruir do sossego, luxo e conforto garantido pelas suites privadas, e relaxar no exclusivo Onboard Shower Spa. Os passageiros da Primeira Classe e da Classe Executiva podem conviver e deliciar-se com canapés e cocktails no popular Onboard Lounge. Todos os passageiros podem usufruir da cozinha gourmet, do premiado sistema de entretenimento a bordo da Emirates, ice, que disponibiliza mais de 2.500 canais, e Wi-Fi gratuito em todos os aviões A380 da Emirates.

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply