Agências Abreu promovem Estado do Rio Grande do Norte em Portugal

0
2355

O Governador do Estado do Rio Grande do Norte, no Brasil, Robinson Faria, e o secretário de Estado de Turismo daquela região nordestina, Ruy Gaspar, estiveram ontem em Lisboa e anteontem no Porto para firmarem uma parceria de colaboração e promoção com a Agência Abreu.
O encontro decorreu no Dom Pedro Hotel e contou ainda com a presença de José Manuel Ferraz e Artur Abreu, respetivamente diretor e administrador da Abreu Viagens.
José Manuel Ferraz congratulou o novo Governador, que tomou posse em Janeiro deste ano, pela sua “nova visão” para com o Estado do Rio Grande do Norte, pela sua visão “muito mais empresarial e menos política, como mais ações e menos palavras”.
Para o diretor da Abreu Viagens é objetivo do tour operador “voltar reafirmar o destino Brasil na preferência dos portugueses e colocar o Estado do Rio Grande do Norte no mapa e, em particular, Natal e Pipa, por serem mais conhecidos em Portugal”.
A parceria visa diversas ações entre as quais uma campanha de televisão, rádio e imprensa nas revistas Visão e Caras, além de estar presente nas 150 lojas Abreu com banners, mupis, decoração de montras e passagens de imagens e vídeos nos televisores de cada loja. Além disso haverá ainda newsletters e menções nos sites dedicadas à campanha.
José Manuel Ferraz considera que este “é o momento certo” para avançarem com a campanha dado que “estamos a viver alguma recuperação económica” e por o Brasil começar a ter um câmbio favorável nos mercados europeus, dado os seus preços estarem a baixar devido à própria crise que aquele país da América do Sul está a atravessar neste momento. Outra das razões apontadas pelo responsável passa pelo facto de o Brasil ter sido o destino mais vendido na Expo Abreu 2015, que teve lugar em Lisboa no início de novembro, e “ainda sem os efeitos desta campanha”.
O profissional afirma que “o Brasil sempre foi prioritário para a Agência Abreu” e pretendem “incrementar ainda mais as vendas para o destino, que a ver pela Expo Abreu já está a inverter a tendência dos últimos anos”.
Já o Governador deixou presente que “o turismo sempre foi tratado de forma secundária” e desde que tomou posse decidiu “torná-lo prioritário”, dado, como afirma, este ser “uma setor de grande potencial económico para o Estado do Rio Grande do Norte”.
Robinson Faria deixou claro que esta promoção do seu estado em Portugal é um “assunto prioritário do Estado brasileiro” e, por isso, esteve ontem em conversações com a administração da TAP para estabelecerem um “acordo de parceria” de reforço de ligações entre Portugal e a cidade de Natal. O governante garante que o destino tem todas as capacidades para captar novamente as atenções dos turistas portugueses, principalmente agora com o novo aeroporto intermodal, o primeiro privado do Brasil, o que “permite uma maior facilidade de diálogo com as companhias aéreas”, enalteceu.
O Governador disse que este ano, e até ao momento, apenas viajaram de Portugal para Natal cerca de três mil portugueses, embora Ruy Gaspar tenha dito que até setembro deste ano o Rio Grande do Norte tenha recebido mais 20% de turistas (podendo ter chegado mesmo a mais 30% segundo palavras do Governador) do que em igual período do ano passado, gerando mais 400 milhões de reais (100 milhões de euros) para a economia aquele Estado.
O secretário de Turismo destacou que têm estado a trabalhar mais os segmentos de família, lazer e aventura e nos próximos meses de dezembro, janeiro e fevereiro, o turismo do Rio Grande do Norte, que conta atualmente com 52 mil leitos, “deverá movimentar em torno de 1,5 mil milhões de reais (378 milhões de euros).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here