AHP e FETESE assinam novo contrato coletivo de trabalho

Depois de um longo período de negociações, a Associação da Hotelaria de Portugal (AHP) e a Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores de Serviços, Comércio, Restauração e Turismo (SITESE/FETESE) assinaram um novo Contrato Coletivo de Trabalho (CCT) que entrará em vigor no dia 1 de janeiro de 2022. Este CCT resulta de uma revisão total do que se encontrava em vigor desde julho de 2008.

“Não só como presidente da AHP, que acompanhou nestes últimos tempos este esforço de aproximação, mas como hoteleiro, estou francamente muito satisfeito por termos chegado a um acordo. Ele representa um aumento de custos importante para a exploração hoteleira, mas permite a flexibilidade necessária à atividade e condições de trabalho dignas”, afirmou Raul Martins.

Para Cristina Siza Vieira, vice-presidente executiva da AHP, e responsável pela negociação, “esta é uma grande vitória para todos. O anterior Contrato Coletivo de Trabalho estava claramente obsoleto e quer a AHP quer o Sindicato que representa os trabalhadores do setor o sentiam.  Ao cabo de longas, exigentes, árduas, mas profícuas negociações para a sua revisão profunda, creio que conseguimos encontrar neste novo CCT o equilíbrio entre a indispensável maior flexibilidade que a gestão impunha na organização dos termos e tempos de trabalho e a valorização das profissões turísticas. Ambas as partes – e só assim se alcança o consenso: com a satisfação de ambos – consideramos que foi alcançado um acordo justo e equilibrado, mais adaptado aos novos tempos e necessidades, quer das empresas quer dos colaboradores”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here