airBaltic recomeça gradualmente operação direta a partir de Riga

0
66

A airBaltic, companhia dos Países Bálticos, anunciou recentemente que após a aprovação do Ministério dos Transportes da Letónia, entre 18 de maio e 9 de junho, realizará voos diretos diários de Riga para Frankfurt e Oslo e vice-versa. A 18 de maio a companhia retomou também os voos diretos das três capitais dos países Bálticos – Riga, Tallinn e Vilnius. No dia 25 de maio retomará os voos diretos de Riga para Helsínquia e Munique e no dia 01 de junho voltará a operar a rota Riga para Berlim.

Os passageiros que desejam viajar de ou para Riga deverão verificar os regulamentos de viagem e as restrições do aeroporto nos sites oficiais ou nas embaixadas locais antes de viajar. Os regulamentos mudam rapidamente e variam de acordo com o país, portanto, é altamente recomendável verificar sempre, antes da compra do bilhete, se têm todas as informações atualizadas de forma a ter uma viagem tranquila.

Martin Gauss, CEO da airBaltic, afirma terem “as melhores ligações de e para os países bálticos. Agora voltamos com um objetivo claro de manter a nossa posição na região. Estamos concentrados numa frota totalmente Airbus A220-300, estamos bem posicionados para o reinício”.

Para o responsável, “a segurança e a saúde dos passageiros, funcionários e sociedade estão acima de tudo. Quando retomarmos os voos, todos os passageiros receberão um kit gratuito de cuidados básicos, constituído por máscara facial e toalhitas desinfetantes. As nossas novas operações de voo seguirão as recomendações emitidas pelas autoridades. Ainda continuamos o nosso trabalho sobre diretrizes específicas para várias outras atividades de segurança”.

De forma a minimizar a propagação do vírus, a airBaltic implementou várias medidas de saúde, de forma a garantir segurança, confiança e flexibilidade em todas as suas viagens. Por outro lado, conta também com a responsabilidade dos seus passageiros para que viajem apenas quando estiverem saudáveis. Apenas se todos estiverem envolvidos no mesmo objetivo, poderão assegurar uma viagem tranquila, segura e saudável. Todos os passageiros da airBaltic deverão utilizar uma máscara protetora durante todo o voo.

Desde 18 de maio, antes entrarem na zona de verificação de segurança no Aeroporto de Riga, a temperatura corporal dos passageiros passou a ser medida e todos aqueles que tiverem uma temperatura acima de 37,8°C serão impedidos de embarcar. Os passageiros afetados serão informados e instruídos acerca dos procedimentos adicionais.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, existe um risco mínimo de qualquer doença transmissível ser transmitida a bordo de um avião. A qualidade do ar da cabine é cuidadosamente controlada, havendo uma troca do ar 20 a 30 vezes por hora. O filtro utilizado no Airbus A220-300 é um filtro tipo ar particulado de alta eficiência (HEPA) que fornece o melhor nível de filtragem, atualmente disponível para o ar recirculado da cabine.

Paralelamente, todos os membros da tripulação usarão uma máscara protetora e luvas. A tripulação da airBaltic está instruída acerca das medidas a serem tomadas no caso de alguns passageiros a bordo estarem infetados com coronavírus e todas os aviões estão equipados com o equipamento preventivo necessário. A companhia introduzirá um serviço de bordo ajustado, substituindo as revistas de bordo por informações descartáveis ​​no menu de higiene e restauração.

A programação completa e as passagens para os voos estão disponíveis no site da airBaltic: www.airbaltic.com. Para além disso, está disponível uma oferta temporária para todas as novas reservas da airBaltic feitas até 31 de maio de 2020, oferecendo aos passageiros a possibilidade de remarcar gratuitamente as suas viagens para uma nova data. Apenas uma alteração de data é permitida sem a penalização.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here