eDreams ODIGEO apresenta resultados positivos

eDreams ODIGEO apresenta resultados positivos

0

A eDreams ODIGEO (www.edreamsodigeo.com ), uma das maiores agências de viagens online e uma das principais empresas de e-comerce na Europa, anunciou hoje os seus resultados relativos ao ano que terminou a 31 de março de 2017, superando as orientações originais e melhoradas para o mercado em junho de 2016 e fevereiro de 2017, respetivamente.

A estratégia continua a comandar as melhorias do negócio e apresentou taxas sólidas de crescimento nas reservas e na margem de lucro de 9% e 5% respetivamente. O crescimento do EBITDA ajustado continua a ser forte, até 12% no ano fiscal de 2017, devido ao crescimento consistente nas reservas e margem de lucro combinados com uma redução de 8% nos custos variáveis por reserva.

A estratégia de diversificação de receitas continua a ter um impacto positivo no negócio, com um crescimento nos produtos auxiliares relacionados e não relacionados com voos, apesar de serem compensados pelas vendas dos negócios de pacotes de viagens corporativas e pacotes de passeios. As reservas nos negócios de produto não relacionado com voos foram até 3% e 6%, excluindo o impacto na venda do nosso negócio de viagens corporativas. A margem de lucro no negócio de não-voos foi de 7% resultado do aumento na margem de lucro por reserva nos hotéis, carros e pacotes dinâmicos e compensado por uma diminuição no negócio de pacotes de passeios e da venda em França, bem como a venda do negócio de pacotes de viagens corporativas.

No negócio de voos, um progresso da apresentação das iniciativas estratégicas aumentou o desempenho e está a posicioná-los bem para um crescimento a longo prazo.

Os mercados mais importantes tiveram um forte desempenho com reservas até 11% e uma margem de lucro até 6%, comandado por iniciativas estratégicas, pela estratégia de diversificação e pelo investimento contínuo.

A eDreams ODIGEO obteve também um forte crescimento dos lucros no ano fiscal de 2017. Os rendimentos líquidos ajustados aumentaram para 31,6 milhões de euros, representando um aumento de 57% em termos homólogos.

A empresa continua a reduzir com sucesso o nível de endividamento; o rácio de alavancagem líquida foi compensado para 3,43x em março de 2016 para 2,66x em março de 2017. Em outubro de 2016, o grupo refinanciou com sucesso a sua dívida, com um reembolso total de Notas 2018 e Notas 2019, e com a emissão de Notas 2021. Aumentou a possibilidade de crédito rotativo super sénior de €130 milhões para €147 milhões, e mudou a nova dívida para uma cobertura única de manutenção de 6,0x do rácio de recurso de crédito bruto, com os termos melhorando também para permitir reaquisições eficientes de até 10% do principal por ano. Reduziram com sucesso o rácio de cobertura de 5,0x em março de 2016 para 4,0x em março de 2017, que criou um espaço suficiente vs. o rácio de cobertura de alavancagem bruta.

No ano fiscal de 2017 o grupo anunciou um excelente desempenho de fluxo de caixa com um saldo de tesouraria de 143,5 milhões de euros (até 9% em termos homólogos), apesar de saídas de caixa de 52,7 milhões de euros relativas à reaquisição de notas 2018 e os fluxos premium de obrigações e outros fluxos de refinanciamento relativos ao refinanciamento de obrigações de 2018 e 2019. O fluxo de caixa das operações passou de 82 milhões de euros para 134,1 milhões de euros, e o fluxo de caixa antes do financiamento de 51,5 milhões de euros para 104,6 milhões de euros, como resultado de melhorias no EBITDA e fundo de maneio.

Segundo Dana Dunne, CEO da eDreams ODIGEO, “estes excelentes resultados marcam as excelentes melhorias que temos vindo a fazer no nosso negócio. A nossa diversificação de novos produtos em ambas as categorias – voos e não-voos -, incluindo lugares preferidos, bagagem, pacotes dinâmicos, aluguer de automóveis e hotéis, contribuiu significativamente para um forte crescimento das reservas e da margem de receita deste ano”, relembrando que “a aquisição da budgetplaces.com irá ainda permitir acelerar o crescimento do nosso negócio de pacotes dinâmicos. As iniciativas estratégicas que implementámos e os investimentos que realizámos nos últimos dois anos permitiram-nos liderar a indústria mobile, lançar produtos com maior rapidez, ter custos mais reduzidos por reserva e, mais importante, deixar os clientes mais satisfeitos. Como resultado, tal permitiu-nos ser a principal empresa de viagens online na Europa, ajudando milhões de consumidores a encontrar e reservar a viagem que mais lhe convinha, ao melhor valor. Ao olhar para o futuro, continuaremos a aumentar a quota de mercado, diversificando os fluxos de receita, avaliando as estruturas de preços e a aumentar as reservas repetidas com o objetivo de ser uma loja única de viagens”.

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply