Praga: perfeita para uma escapadinha romântica

Praga: perfeita para uma escapadinha romântica

0

Praga é uma cidade encantadora, uma caixinha de surpresas, recheada de tesouros que nos levam numa viagem no tempo. Perfeita para uma escapadinha romântica.

 

Prepare-se para um roteiro ativo, sem paragens para longas refeições ou tardes de descanso, pois cada segundo ocioso é um gigantesco desperdício cultural.

Cidade Velha

Inicie a visita pelo centro histórico, também conhecido como Cidade Velha (Staré Mesto). A Praça da Cidade Velha, talvez uma das mais belas do mundo, é de passagem obrigatória e demorada. Encontra-se vedada ao trânsito, com exceção de algumas charretes, e está cercada por magníficos edifícios históricos. A principal atração é o Relógio Astronómico, que oferece um pequeno espetáculo de hora em hora, com o desfile dos Apóstolos. Também pode subir-se à Torre da Antiga Câmara Municipal, para admirar a paisagem. Visite, ainda, a Igreja de Nossa Senhora diante de Týn, um dos melhores exemplos da arquitetura gótica, e a Igreja de São Nicolau, antigo templo jesuita e admirável exemplo do Barroco.

Bairro Judeu

No Josefov, o Bairro Judeu, existem seis das mais antigas sinagogas da Europa e um cemitério que data de 1470, com mais de 12 mil lápides. Pode adquirir um bilhete que permite visitar todas as sinagogas ou comprar a entrada individual apenas em algumas: a Velha-Nova Sinagoga, a Sinagoga Espanhola e o Antigo Cemitério Judaico são imperdíveis.

Uma breve caminhada para Leste leva ao Convento de Santa Inês da Boémia, um dos locais mais interessantes da cidade, hoje museu que exibe uma bela coleção de arte medieval da Galeria Nacional Checa.

Ponte Carlos

Saindo do Bairro Judeu em direção ao rio, vai encontrar o principal postal ilustrado da cidade: a Porte Carlos. É a ponte mais antiga da cidade e faz a ligação entre a Cidade Velha e o Bairro Pequeno. Fechada ao trânsito, tornou-se um ponto de passagem obrigatória para os turistas. A Karluv Most (é assim que se diz em Checo) possui uma torre em cada uma de extremidades e, ao longo de sua extensão, há mais de 30 esculturas barrocas. Não deixe de apreciar a ponte também à noite, quando a iluminação a deixa ainda mais charmosa.

O Bairro Pequeno (Malá Strana) é a zona de Praga com mais traços do passado, pois quase nenhum edifício foi aqui construído desde o final do século XVIII. Pois isso, está repleto de esplêndidos palácio barrocos, hoje embaixadas e hotéis requintados. Não deixe de passar pela Igreja de São Nicolau (outra com o mesmo nome!). Concluída no século XVIII, exibe  um órgão de 2500 tubos que foi tocado por Mozart. Também aqui pode subir à torre do sino para apreciar a vista.

 

Leia o artigo completo na Edição Especial da revista VIAJAR – Escapadinhas na Europa.

Já nas bancas

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply