Quinta-feira, Julho 19, 2018
Tags Post com a tag "Regiões"

Regiões

0

O novo sítio promocional do Turismo do Algarve na Internet, revelado em primeira mão durante a última edição da Bolsa de Turismo de Lisboa, já se encontra online em www.visitalgarve.pt com novos conteúdos e design adaptado a todos os dispositivos móveis. O Algarve vê assim reforçada a sua presença digital com o lançamento de uma nova plataforma que contribui para a valorização e o aumento da notoriedade online do destino turístico. O novo portal promocional apresenta agora uma imagem contemporânea e apelativa, com conteúdos dinâmicos e uma navegação intuitiva.

O renovado site pretende fornecer aos visitantes informação pertinente acerca da vasta e diferenciada oferta turística da região através de um conjunto de ferramentas inovadoras e interativas que promovem um maior envolvimento do turista e uma experiência de visita mais satisfatória. Deste modo, o portal confere uma experiência de navegação amiga do utilizador, agregando informação diversa sobre o destino, desde os seus concelhos, principais produtos turísticos, sugestões de locais a visitar, experiências, rotas culturais e pedestres, guias digitais e eventos.

Ao longo da sua jornada de navegação no VisitAlgarve o utilizador conta com a ajuda preciosa da whish-list, uma lista de favoritos onde poderá guardar todas as informações que deseja manter sobre o destino. Futuramente será disponibilizada a funcionalidade travel planner, que vai permitir ao viajante planear a sua viagem, adicionando itens como o que visitar, onde ficar, eventos, onde comer e outras atividades. Depois, o turista só terá de fazer download do seu plano de viagem e meter-se a caminho da região.

«Cada vez mais pessoas utilizam ferramentas digitais antes, durante e após as suas viagens, de forma a melhorarem a experiência turística. As redes sociais e as aplicações móveis transformaram o setor das viagens e turismo, pelo que é essencial desenvolver novos conteúdos e canais para reforçar a presença online do destino e chegar a mais turistas nacionais e estrangeiros», explica Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve.

A criação do novo portal www.visitalgarve.pt insere-se no âmbito da candidatura «Algarve online – Reforço da presença online do destino turístico Algarve», projeto cofinanciado pelo CRESC Algarve 2020 – Programa Operacional Regional do Algarve.

0

“O ano de 2017 foi excecional para Fátima, pela via do Centenário das Aparições e a visita do Papa Francisco. Provavelmente ultrapassamos os 8 milhões de peregrinos em Fátima. Além disso também podemos pensar que teremos ultrapassado 1,100 milhões de dormidas em Fátima”, foi assim que o presidente da ACISO – Associação Empresarial Ourém-Fátima, Domingos Neves, iniciou esta quarta-feira, 10 de janeiro, a conferência de Imprensa sobre os resultados e ações de 2017 e ainda as novidades para 2018.

O mesmo responsável sublinhou ainda o facto de “Fátima ser uma marca mundialmente conhecida”, congratulando os “hoteleiros da região que foram capazes de requalificar as suas unidades para responder às exigências dos peregrinos. Fátima conta atualmente com 12 unidades hoteleiras de quatro estrelas”.

Segundo o vice-presidente da ACISO, Alexandre Marto, e de acordo com os dados publicados mensalmente pelo Travel BI do Turismo de Portugal, “se a nossa estimativa estiver correta significa que Fátima em 2017 atingirá 775 mil noites de estrangeiros, 242 mil noites nacionais, colocando o peso nacional nos 25% e algumas nacionalidades como a Polónia e a Itália acima, pela primeira vez, das 100 mil noites observadas em Fátima”, acrescentando que também pela primeira vez “a taxa de ocupação alcançará os 40%, sendo que em 2016 foi de 30%”.

O que traz 2018

No encontro, onde marcaram ainda presença, a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, o presidente da Câmara Municipal de Ourém, Luís Albuquerque, o presidente das ARPT/ERT do Centro de Portugal, Pedro Machado e Jorge Brandão da CCDR Centro, foram divulgadas algumas iniciativas para 2018, como a realização do VI Workshop Internacional de Turismo Religioso que este ano se desenrola em Fátima e Guarda, entre 22 e 24 de fevereiro, com uma novidade incluída: o Turismo da Herança Judaica.

Para já e segundo a ACISO, o evento deverá contar com 700 participantes, 150 hosted buyers, 150 suppliers e 40 expositores. Todos os buyers serão convidados a fazer um tour pelas regiões do Centro, Alentejo e Porto e norte e a visitarem a BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa.

Na calha estão ainda projetos como os Caminhos de Fátima que envolvem a participação de vários municípios e a Rota das Carmelitas (que liga Coimbra a Fátima pelo interior e que em maio deverá estar concluída).

Também Ana Mendes Godinho se mostrou muito satisfeita com os resultados divulgados, reforçando que a “aposta no Turismo Religioso tem sido um trabalho conjunto, na última década” e sublinha que “Fátima foi palco da mensagem de paz pelo Papa Francisco ao mundo”.

A secretária de Estado do Turismo revelou ainda que em abril será lançada uma plataforma online dos Caminhos da Fé, que incluirão os Caminhos de Fátima, os Caminhos de Santiago, a Herança Judaica e os Altares Marianos em Portugal.

 

0

“Intelligence is our destination” é o tema escolhido para edição deste ano do Smart Travel, que entre 30 de novembro e 1 de dezembro, leva a Bragança o debate sobre o futuro do turismo em cidades inteligentes de pequena e média dimensão, enquanto alternativa para o turista que procura um destino único, diferenciador e inteligente.

Entre os oradores estará Charles R. Wolfe, um dos mais ativos especialistas mundiais em urbanismo e cidade, que irá partilhar o seu conhecimento, desafiando entidades locais a ir além da observação urbana.

Durante dois dias, serão apresentadas novidades que pretendem colocar ênfase no desenvolvimento económico, social e sustentável dos territórios de baixa densidade, especialmente das cidades e regiões periféricas, através de alternativas inteligentes para atrair turistas que valorizam a originalidade e autenticidade de cada destino.

“Bragança organiza, desde 2014, este evento de grande importância nacional e internacional, uma vez que coloca a região como centro da discussão global sobre o futuro do turismo nas regiões periféricas, estando em linha com o posicionamento de cidade criativa e inteligente para o qual temos vindo a trabalhar”, afirma Hernâni Dias, presidente da Câmara Municipal de Bragança, acrescentando que “organizar o Smart Travel significa levar o nome e a imagem da cidade além-fronteiras, significa promover um evento tecnológico, criativo e inovador e promover uma reflexão urgente para o futuro sustentável das cidades”.

A quarta edição do Smart Travel vai centrar-se no turismo e na relação do turismo inteligente com pequenas e médias cidades inteligentes. Pretende-se debater e explorar novas oportunidades para as cidades mais periféricas, enquanto opções alternativas às grandes metrópoles e capitais e enquanto destinos naturais e genuínos, que são cada vez mais tecnológicos e criativos, mas, também, mais justos e sustentáveis.

0

O Plano de Promoção e Comercialização para 2018 da Agência de Promoção Turística do Alentejo foi aprovado em assembleia geral, durante uma reunião que decorreu no Évora Hotel e que contou com uma elevada participação de associados. No encontro foram analisados, o ano turístico em curso e as linhas mestras que irão nortear a região ao nível da promoção internacional no próximo ano.

No novo plano agora aprovado destaca-se um reforço de verbas em Espanha, nomeadamente com ações que visam diretamente o consumidor final. França, Brasil, Reino Unido, Benelux e Alemanha, considerados mercados estratégicos, vão continuar a ser alvo de forte aposta por parte da ARPTA.

Os níveis de atuação serão diferenciados e passam por assegurar uma maior e melhor comunicação do Alentejo, agora que o produto já se encontra disponível ao nível da distribuição, através da realização de press trips, a aposta na gestão das redes sociais do Alentejo em cinco idiomas, realização de workshops e roadshows, participação em feiras, com destaque para as de nicho e pela continuação da aposta em viagens de familiarização para operadores turísticos e agentes de viagens. Ao nível dos produtos mantém-se a aposta, que tão bom resultado tem trazido, no Turismo Ativo, no Cultural, no de Natureza, no do Sol e Mar e no de Gastronomia e Vinhos.

Para Vítor Silva, presidente da Agência de Promoção Turística do Alentejo, “o Plano de Promoção e Comercialização Alentejo 2018 agora aprovado mantém a linha de aposta iniciada em 2016 e o objetivo de diminuir a sazonalidade e aumentar o RevPar”. Segundo o mesmo responsável, “a grande meta para 2018 é crescer em linha com o que se tem vindo a registar e que será certamente ao nível dos dois dígitos”.

 

0

O Alentejo acolhe, entre 23 e 26 de novembro, a conferência internacional da Associação de Operadores Turísticos Independentes do Reino Unido (AITO). Uma iniciativa que deverá atrair à região cerca de 150 agentes de viagens e operadores turísticos britânicos, para discutir temas como programas de fidelização, a disrupção da indústria do turismo, as novas gerações de viajantes, entre vários outros temas.

As reuniões estão marcadas para Évora e incluem um conjunto variado de experiências gastronómicas e de tours pelo território, de forma a dar a conhecer o Alentejo junto deste importante conjunto de players da indústria do turismo britânico.

Esta iniciativa resulta de um esforço da Agência de Promoção Turística do Alentejo e é o corolário de um trabalho que tem vindo a ser realizado junto do trade britânico e que visa o aumento da notoriedade do destino e, consequentemente, de mais turistas oriundos daquele mercado a visitarem o território.

Para o presidente da Agência de Promoção do Alentejo, Vítor Silva, “esta é uma oportunidade fantástica para darmos a conhecer a um conjunto alargado e qualificado de operadores turísticos do Reino Unido algum do melhor que o Alentejo tem para oferecer”, acrescentando: “Sabemos que sempre que fóruns destes se realizam, o destino que os acolhe melhora o seu posicionamento nos canais de distribuição.”

Já Derek Moore, secretário-geral da AITO, sublinha que este ano decidiram “fazer algo diferente para a nossa conferência e em vez de escolhermos um destino icónico famoso, bem conhecido de todos, optámos por um destino relativamente desconhecido para a maioria, mas que será uma agradável surpresa.”

0

O Turismo Centro de Portugal marca presença até dia 14 de outubro na terceira edição dos Techdays Aveiro, o maior fórum nacional de tecnologia, que decorre no Parque de Exposições de Aveiro.

A participação do Turismo Centro de Portugal, que é parceiro institucional do evento, é muito significativa, através de um stand conjunto com o município de Aveiro que tem uma área de exposição de 250 m2.

O programa dos Techdays Aveiro contempla 12 conferências e vários workshops sobre inovação em tecnologia. No fórum estão presentes os principais especialistas nacionais e internacionais.

Este ano, os setores da saúde, mar, robótica e gaming são os protagonistas. Várias empresas e organismos públicos irão igualmente dar a conhecer as mais recentes novidades tecnológicas. Os TechDays são um evento organizado pela Câmara Municipal de Aveiro, em conjunto com o Instituto de Telecomunicações, a InovaRia, a Universidade de Aveiro, a Cluster TICE e a empresa Habitat. A organização espera que mais de 10 mil visitantes descubram os cerca de 100 espaços de demonstração.

0

A Associação Turismo de Lisboa assinalou esta quarta-feira, 27 de setembro, o Dia Mundial do Turismo, com a apresentação de dois novos Postos de Turismo, no Mosteiro dos Jerónimos e no Jardim da Torre de Belém e ainda a inauguração do Circuito Turístico Belém Monumental. Um projeto, cujo investimento total foi de 350 mil euros, e que pretende a melhoria da experiência turística em Belém, uma zona que recebe cerca de 2 milhões de visitantes, segundo o diretor-geral da Associação de Turismo de Lisboa (ATL), Vitor Costa.

Numa visita que teve início no novo Centro Interpretativo da Ponte 25 de Abril – Experiência Pilar 7 e que faz também parte das 9 paragens assinaladas pelo autocarro Hop On Hop Off, da Cityrama, que integram o Circuito Turístico Belém Monumental.

Museu Nacional dos Coches/Picadeiro Real, Palácio Nacional da Ajuda, Museu Nacional de Etnologia, Mosteiro dos Jerónimos e Museu de Arqueologia, Museu da Marinha, Planetário e CCB, Torre de Belém, Padrão dos Descobrimentos e Museu de Arte Popular e MAAT – Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia são os monumentos que os visitantes poderão percorrer neste trajeto. O percurso poderá ser feito todos os dias, das 10 às 13 horas e das 14 às 18 horas e tem o preço de 5 euros, sendo válido para 24 horas. Os passageiros podem neste período entrarem e saírem livremente em qualquer das paragens mencionadas anteriormente.

Segundo Vítor Costa “estes percursos incluem museus menos visitados, como é o caso do Palácio da Ajuda ou do Museu de Etnologia e com esta possibilidade de transporte podem e devem ser mais procurados”.

Postos de Turismo

Localizados no Jardim Vasco da Gama, junto ao Mosteiro dos Jerónimos e no Jardim da Torre de Belém, os dois novos Postos de Turismo, que se juntam assim aos 13 já existentes na região de Lisboa, visam proporcionar uma melhor e mais equilibrada utilização da zona de Belém/Ajuda e da sua oferta cultural, incluindo a desconcentração de bilheteiras e o estímulo à utilização mais equilibrada de diversos equipamentos, segundo o diretor-geral da ATL.

Projetados pelo arquiteto Tiago Silva Dias, os dois Postos de Turismo, que hoje foram inaugurados integram-se na área monumental onde estão inseridos, como peças de mobiliário urbano exclusivas, interferindo o mínimo possível na visibilidade sobre o património. Cada equipamento apresenta assim dois momentos: um quando está fechado, em que constitui um paralelepípedo em espelho que reflete em todas as faces a área envolvente. E quando está aberto, em que uma das faces abre sobre o balcão, revelando o interior, onde a cor rosa é a protagonista. Ambos dispões de instalações sanitárias de uso público, acessível a utentes com mobilidade condicionada.

Ler artigo na íntegra na versão em papel

0

O mercado britânico registou a principal descida (-16,3%) no mês de agosto no Algarve, segundo dados provisórios da AHETA – Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve. Uma descida atribuída à desvalorização da libra em 15% no último ano.

Por seu lado, o mercado nacional registou a maior subida (+10,0%), contrariando assim a tendência observada no último ano. Também o mercado alemão registou uma subida de +4,6%.

De realçar ainda as subidas registadas nos mercados com menor expressão, designadamente Polónia, França, Suécia, Bélgica, Dinamarca, Itália e todos os outros.

No que diz respeito à taxa de ocupação média/quarto, os mesmos dados da AHETA registam 93,9%, tendo-se situado ao nível do ano anterior.

Por zonas geográficas, as maiores subidas ocorreram nas zonas de Faro / Olhão (+4,1%) e Carvoeiro / Armação de Pêra (+2,3%). A maior descida verificou-se em Vilamoura / Quarteira / Quinta do Lago (‑3,1%), enquanto Albufeira, a principal zona turística do Algarve, registou uma subida de 1,7%.

Quanto ao volume de vendas aumentou 3,8 por cento durante o mês de agosto. Em termos acumulados, desde o início do ano, a taxa de ocupação quarto regista uma subida de 2,2% e o volume de negócios um crescimento acumulado de 9,1%.

0

Dornes (Aldeias Ribeirinhas), Sistelo (Aldeias Rurais), Fajã dos Cubres (Aldeias de Mar), Piódão (Aldeias Remotas), Castelo Rodrigo (Aldeias Autênticas), Monsaraz (Aldeias Monumento) e Rio de Onor (Aldeias em Áreas Protegidas) são as vencedoras das 7 Maravilhas de Portugal® – Aldeias, cuja votação esteve a cargo do público. Estiveram a concurso 49 aldeias pré finalistas.

“Temos agora uma lista de aldeias que representam muito aquilo que é o nosso país. Somos o país que mais cresce na Europa em termos de turismo, com um crescimento de 20%, e muito graças à diversidade enorme e experiências únicas que quem nos visita nunca mais esquece”, disse Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo, durante a Gala.

“É um dia de muita satisfação. É fantástico ver a mobilização de todo o território. Mostrar que não há fatalismos no interior, há muita vontade de fazer, há um dinamismo incrível. Ao trabalharmos todos para um objetivo comum estamos a colocar o nosso país no mapa. Não só para o mundo, mas também para os portugueses”, acrescentou.

A Declaração Oficial das 7 Maravilhas de Portugal® – Aldeias teve lugar este domindo, 3 de setembro, no Piódão, no Município de Arganil e os prémios das 7 vencedoras foram entregues por Bernard Weber, fundador da New7Wonders Foundation; por Regina Neves, uma bombeira voluntária da Corporação de Coja; pelos campeões mundiais Inês Henriques e Fernando Pimenta; por Eduardo Cabrita, Ministro Adjunto; Ana Paula Vitorino, Ministra do Mar; e João Pedro Fernandes, Ministro do Ambiente. Esteve também presente o Secretário de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural, Miguel João de Freitas, em representação do Ministro da Agricultura, Luis Capoulas Santos.

“Esta eleição foi um sucesso, com níveis de participação históricos. As aldeias têm futuro e muitas oportunidades, não vamos mais largar as nossas aldeias com outras iniciativas no futuro. E agora vamos continuar com a nossa missão de promover os grandes valores da identidade nacional. As 7 Maravilhas vão voltar em breve com mais temas que puxam pelos territórios e pelas nossas gentes”, referiu Luis Segadães no final da Gala.

0

A ACISO – Associação Empresarial de Ourém Fátima organiza uma missão empresarial à Coreia do Sul nos próximos dias 7 e 8 de setembro, com a participação de 13 empresas portuguesas. Uma missão que conta com o apoio da AICEP, do Turismo de Portugal e da Agência Regional de Promoção Turística Centro, e que inclui a realização de um workshop destinado a profissionais do setor do Turismo, membros da Igreja e organizadores de viagens de peregrinação, no qual as empresas do concelho de Ourém irão ter a oportunidade de contactar com operadores turísticos e agentes do setor. A ACISO já tem a confirmação da participação de 85 coreanos no workshop.

Domingos Neves, presidente da Associação, refere que “a promoção de Portugal enquanto destino de turismo religioso e a região de Fátima em particular, junto dos vários mercados internacionais, é uma das prioridades da ACISO e uma das apostas para este ano. Neste sentido, iremos estar na Coreia do Sul na próxima semana, uma vez que este é o terceiro mercado internacional de Fátima (dados do INE de 2015), ultrapassando as 40 mil noites. Para este ano, estimamos que este mercado represente 60 mil noites”.

A ACISO irá ainda promover Fátima num seminário que contará com as presenças da Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho; Pedro Machado, presidente da ARPT Centro e Domingos Neves, presidente da ACISO; bem como alguns oradores coreanos que irão partilhar a sua experiência junto do mercado português.

Durante o seminário será também apresentado, pela primeira vez, um filme em realidade virtual 360º sobre Fátima e alguns dos momentos mais emblemáticos, nomeadamente a Procissão de Velas e a Procissão do Adeus. O visionamento local conta com o apoio da Samsung, que disponibilizará óculos realidade virtual e smartphones.

A ACISO irá ainda lançar o Diretório de Turismo Religioso do Centro de Portugal, em formato digital, produzido pela ACISO, com o apoio do Turismo do Centro de Portugal.

“Este diretório não pretende ser um levantamento do património religioso, nem um guia turístico, mas um levantamento de empresas que operam na área – é, portanto, um diretório empresarial para distribuição junto de operadores especializados”, explica Domingos Neves.