TAP lança voos diretos diários de Lisboa para NY (JFK) e Boston

0
894
Michael Moran, diretor do Aeroporto JFK, David Neeleman, acionista da TAP, e Scott Laurence, vice-presidente sénior de Planeamento da JetBlue.

A TAP Portugal anunciou hoje novos voos diretos diários para Lisboa a partir do Aeroporto Internacional John F. Kennedy, em  Nova Iorque, e também do Aeroporto Internacional Logan, em Boston. Com tarifas de lançamento a partir de 799 euros, taxas incluídas, para viagens de ida-e-volta, em ambas as rotas, encontrando-se os voos abertos à venda a partir de hoje.

O novo serviço diário para Boston tem início em 11 de junho e o de Nova Iorque será inaugurado em 1 de julho. Ambas as linhas serão operadas com os novos aviões Airbus A330 que serão entregues à companhia aérea portuguesa em junho.

Além destes dois novos destinos, a TAP serve também Miami e Newark, cidades para as quais a companhia aumenta a sua oferta para voos diários no Verão deste ano e oferece também voos diretos bissemanais entre o Porto e Newark.

No conjunto, a TAP aumenta a sua oferta para 30 voos semanais entre Portugal e os EUA.

No caso de Nova Iorque, os voos partem de Lisboa às 17h e chegam ao aeroporto JFK às 20h, e no regresso saem de Nova Iorque pelas 23h30 com chegada a Lisboa no dia seguinte pelas 11h30. Para Boston, os voos têm partida de Lisboa às 14h25 e chegada àquela cidade às 17h, partindo no sentido inverso de Boston às 19h45 e chegando a Lisboa às 07h20 do dia seguinte.

“Felicito a TAP Portugal e dou-lhe as boas-vindas no seu regresso a JFK, aeroporto em que registámos um número recorde de passageiros em 2015, num total de 30 milhões de viajantes internacionais,” disse Thomas L. Bosco, diretor de Aviação da Port Authority. “Desejo aos nossos amigos da TAP, que têm sido tão bons parceiros no aeroporto Liberty International de Newark, o mesmo sucesso no lançamento dos seus serviços de Lisboa para JFK – a principal porta de entrada nos Estados Unidos”, afirmou.

“Faz todo o sentido que a mais antiga companhia aérea de Portugal, agora liderada por David Neeleman, um inovador na aviação, voasse diariamente entre Lisboa e Boston,” disse Thomas P. Glynn, CEO da Massport. “O Massachusetts é conhecido pela inovação e tem a maior percentagem de residentes de origem portuguesa entre todos os Estados norte-americanos”, referiu. “É com grande entusiasmo que a TAP alarga o seu serviço internacional para os Estados Unidos a quatro destinos, passando assim a oferecer aos passageiros norte-americanos a possibilidade de viajarem facilmente até Lisboa, a primeira porta de entrada na Europa, com  acesso, a partir de Lisboa, à conectividade da rede TAP a outros destinos”, afirmou Fernando Pinto, presidente-executivo da companhia.

TAP_0089“Além do maior número de voos, o que é importante, é também estimulante que a TAP esteja também a aumentar a sua frota com aviões novos dispondo de uma nova configuração da cabina, proporcionando uma muito melhor experiência aos seus clientes,” disse ainda David Neeleman, CEO da DGN Corp, sócia do consórcio Atlantic Gateway, acionista da TAP. “Obviamente que ao nível pessoal é maravilhoso estar de volta ao aeroporto JFK, em Nova Iorque, assim como ao aeroporto de Logan em Boston e ter a oportunidade de voltar a trabalhar com a JetBlue de novo, com vista a proporcionar as melhores ligações a partir de cidades nos Estados Unidos para Lisboa”, enalteceu.

Parceria com a JetBlue para voos internos nos EUA

Com David Neeleman esteve também presente hoje no Terminal 5 do Aeroporto JFK o vice-presidente sénior de Planeamento da JetBlue, Scott Laurence, para anunciarem conjuntamente a nova parceria das duas companhias aéreas, através da qual serão proporcionadas ótimas ligações dos voos da JetBlue à partida de mais de 20 destinos no interior dos Estados Unidos aos voos para o aeroporto nova-iorquino de  JFK, assim como de Boston, e de Newark. A TAP passa a operar a partir do Terminal 5 da JetBlue em JFK e do Terminal C do Aeroporto de Logan em Boston.

“A JetBlue tem orgulho de contribuir para o presente crescimento dos serviços internacionais para Boston e Nova Iorque e está muito satisfeito por dar as boas-vindas à TAP nos nossos terminais nas duas cidades,” disse Robin Hayes, presidente e CEO da JetBlue. “A TAP é o nosso 45º parceiro, e nessa qualidade, os seus clientes passam a beneficiar de excelente acesso à rede da JetBlue com tempos de ligação curtos nas nossas instalações aeroportuárias “state-of-the-art”. Por seu turno, os clientes da JetBlue passam a usufruir de um vasto conjunto de destinos diretos a partir das nossas cidades do Nordeste dos EUA”, explicou.

Campanhas promocionais previstas

A TAP planeia promover ativamente Portugal nos EUA como um destino turístico atrativo e o seu Hub de Lisboa como uma porta de entrada privilegiada na Europa, junto dos viajantes norte-americanos.  Com esse objetivo, a companhia vai lançar campanhas promocionais assim como outras iniciativas para divulgar Portugal nos Estados Unidos e proporcionar aos visitantes americanos um programa de incentivos encorajando-os a escolherem Lisboa como escala preferencial nos seus voos de e para a Europa.

Com vista a agilizar a sua expansão nos EUA, a TAP vai receber mais dois aviões Airbus  A330, aumentando assim a sua frota de longo curso para 20 aeronaves.

A cabina destes A330-200 apresenta 20 cadeiras totalmente “lie flat” da Stelia Solstys em classe Executiva e novas cadeiras “slimline” Zim EC01 em Económica com uma distância entre si (pitch) de 34” em Economy Plus e 31” em Economy. Os passageiros vão beneficiar das mais avançadas soluções áudio e vídeo com o mais recente sistema individual de entretenimento a bordo on demand da Panasonic, EX-3.

Depois de completamente renovadas com novas cadeiras, sistemas de entretenimento, galleys, casas de banho e iluminação, estas aeronaves integram-se, em todos os sentidos, na mais recente geração de aviões do mundo nesta classe de produto. Têm capacidade para 271 passageiros, 20 em classe Executiva, 104 em Economy PLus e 147 em Economy e antecipam a configuração para a qual será convertida toda a frota atual de aviões A330-200 da TAP, que será iniciada no primeiro semestre de 2017.

Este é mais um dos investimentos em curso na TAP, que se junta à encomenda de 53 novos aviões Airbus, 60 milhões de euros na modernização dos interiores da frota atual, 11 milhões na introdução de sharklets em 12 aviões da família A320 e renovação total da frota regional TAP Express.

A transportadora avançou em comunicado que esta rotas estão “sujeitas a aprovação governamental”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here