European Travel Commission apela à reabertura do turismo no espaço europeu

0
24

A ETC – European Travel Commission acredita que a Europa continua a reunir as condições para ser o principal destino turístico do mundo no pós-covid. Na primeira reunião geral de membros presencial, desde o início da pandemia, que teve lugar no Algarve, a ETC apresentou uma campanha que visa relançar a confiança nas viagens já este verão e apelou à coordenação de estratégias entre os vários países europeus, num trabalho conjunto com a Comissão Europeia.

A campanha “Open Up to Europe” teve a liderança da ETC e é cofinanciada pela União Europeia com o apoio de mais de 30 destinos e marcas de viagens. Vai ser implementada no espaço europeu à medida que as restrições nos vários países forem sendo aliviadas e os diferentes mercados se abrirem às viagens. O Reino Unido e a Alemanha são os primeiros mercados onde a campanha vai ser lançada, a partir de meados de junho. Prolonga-se, depois, por outros mercados durante todo o verão e espera-se que atinja 26 milhões de potenciais viajantes em toda a Europa.

Em cima da mesa desta reunião da ETC esteve também a discussão de quais as melhores formas de recuperar a confiança dos consumidores, incluindo a necessidade de comunicar, de forma clara, o levantamento gradual de restrições à mobilidade, assim como, a aplicação rápida e uniforme do Certificado Covid Digital em todos os Estados-Membros da União Europeia. O Presidente da ETC, Luis Araújo, lembrou “a importância de reativar, com responsabilidade e rigor, um setor que é um dos principais motores económicos e sociais da Europa”.

Como representante do setor do turismo na Europa, a ETC assume o seu papel na coordenação de estratégias de retoma do setor do turismo dos vários países europeus e na comunicação clara de informação sobre o levantamento de restrições e condições de mobilidade na Europa. É fundamental que essa informação seja clara, tanto para os mercados europeus, como para terceiros. Tem, igualmente, de ser clara para turistas e para empresas do setor. Neste sentido, a ETC assume por inteiro o forte compromisso de trabalhar, conjuntamente com a Comissão Europeia, por forma a tornar a plataforma Re-open EU mais amiga dos utilizadores.

Para um eficaz desenvolvimento da “Agenda de Turismo Europeia 2030/2050” é necessário o compromisso de todos os Estados-Membros UE, pelo que o esforço de coordenação da ETC é fundamental. Também é de realçar que a consensualização da estratégia europeia foi conseguida durante a Presidência Portuguesa da União Europeia, na qual o Turismo de Portugal teve um papel ativo. Esta estratégia de longo-prazo visa um turismo sustentável, resiliente, digital e inclusivo.

O Turismo de Portugal, enquanto membro da European Travel Commission, é o anfitrião da 101.ª Assembleia Geral da ETC a decorrer no Algarve, entre 31 de maio e 2 de junho, e que contou hoje com a presença da Secretária de Estado do Turismo, Rita Marques. Presidida pelo português Luis Araújo, esta reunião serviu também para eleger Martin Nydegger, CEO da Switzerland Tourism, como Vice-Presidente da ETC. Nydegger junta-se assim aos outros dois Vice-Presidentes, Magda Antoniloni, da ENIT – Agenzia Nazionale del Turism e Kristin Stanicic, do CNTB – Croatian National Tourist Board.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here