Pestana Pousadas de Portugal investe 2M€ em Pousada em Óbidos

Pestana Pousadas de Portugal investe 2M€ em Pousada em Óbidos

0

O Pestana Hotel Group apresentou esta quarta-feira, 2 de agosto, em Óbidos, a segunda unidade do grupo naquela região, que será composta por dois núcleos: o Hospital da Misericórdia de Óbidos e a Estalagem do Lidador. À Pousada do Castelo serão ainda acrescentados dois novos quartos. Um investimento total de 2 milhões de euros, que aumentará a atual capacidade de alojamento daquela unidade de 17 para 47 quartos, segundo revelou Luís Castanheira Lopes, Presidente do Grupo Pestana Pousadas.

Na cerimónia, que decorreu na Pousada do Castelo, foi ainda assinado o protocolo entre o Grupo Pestana e a Santa Casa da Misericórdia de Óbidos, que detém o antigo Hospital da Misericórdia – um edifício que esteve abandonado durante vários anos e que passará agora a ser arrendado ao grupo hoteleiro por um período de 30 anos. Ao todo são mais de 1000 metros quadrados que serão reabilitados para receber 17 quartos e uma área de restauração onde serão servidos os pequenos almoços.

As obras do exterior arrancam já no próximo dia 8 de agosto e as do interior até ao final do mesmo mês, mantendo-se a traça original, conforme explicou à Comunicação Social, Luís Castanheira Lopes, anunciando ainda a abertura a Concurso Público para a recuperação da Estalagem do Lidador que foi a “proto-Pousada” de Portugal, na Vila de Óbidos, fundada por António Ferro e que passará no futuro a contar com 11 quartos e uma piscina.

O Presidente do Grupo Pestana Pousadas frisou que as duas Pousadas, que distam a 150 metros entre si, darão emprego a 15 pessoas e funcionarão autónomas, mas aproveitando as valências umas das outras. O núcleo do Hospital da Misericórdia deverá estar concluído em abril do próximo ano, enquanto a Estalagem do Lidador verá as suas obras terminadas até ao final de 2018.

Para além destas ampliações, a Pousada do Castelo, que segundo Luís Castanheira Lopes regista anualmente uma taxa de 80% de ocupação, está a ser alvo de intervenções, contando com mais dois quartos, passando assim dos atuais 17 para 19 dentro de um mês.

Para José Theotónio, CEO do Pestana Hotel Group, presente na cerimónia da assinatura do protocolo entre as duas entidades, “com este projeto reforçamos a posição do Grupo nesta região, mas acima de tudo com um foco na reabilitação urbana da Vila de Óbidos, promovendo a recuperação patrimonial e acrescentando valor turístico hoteleiro, trazendo mais valor à economia local e gerando mais postos de trabalho”.

Também o Humberto Marques, Presidente da Câmara Municipal de Óbidos, registou com agrado este acordo, sublinhando que Óbidos tem a taxa de ocupação mais alta da Região Centro, e que a autarquia tem neste momento de investimento público e privado mais de “71 milhões de euros assegurados para dentro do concelho”, deixando no ar que terá novos desafios para o Grupo Pestana.

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply