Tomaz Metello aumenta frota da euroAtlantic e dois dos três novos aviões...

Tomaz Metello aumenta frota da euroAtlantic e dois dos três novos aviões já estão na Europa

0

A euroAtlantic airways (EAA), a celebrar 25 Anos, anuncia que dois dos seus três novos Boeing B767-300ER, ex-Hainan Airlines, com as matrículas portuguesas CS-TST e CS-TSU já se encontram nas oficinas da Atitech S.p. uma MRO (Maintenance, Repair, and Overhaul) italiana, instalada no Aeroporto de Capodichino de Nápoles a realizarem trabalhos de C Check (revisão pesada), alteração do IFE (In-flight entertainment), a cumprir requisitos inerentes à sua certificação no Registo Nacional e customização euroAtlantic.

O último dos novos activos o CS-TSV a chegar à companhia propriedade de Tomaz Metello, proveniente do Aeroporto de Beijing, vai aterrar em Nápoles nos próximos dias.

Até à data de 14 de Julho próximo, todos os três aviões, estarão ao serviço a cumprir os contractos, que suportaram um investimento muito volumoso.

O presidente do Conselho de Administração da transportadora,  Tomaz Metello, referiu “não pretender divulgar” os valores envolvidos.

A pintura (animação) do novo avião da EAA CS- TST Boeing B767-300 ER define uma renovação da imagem institucional da companhia de Tomaz Metello, na ocasião de celebração dos 25 Anos, mudanças também visíveis nas novas fardas do Pessoal Navegante, que dentro das linhas anteriores, passaram a fazer referência a todas as cores da marca, denunciando, consolidação e evolução na continuidade do projecto. As alterações no visual serão progressivamente estendidas a alguns artigos do merchandising, loiças de serviço, amenities da classe Executiva, cobertores e almofadas.

O Presidente do Conselho de Administração | Chairman da EAA, Tomaz Metello, referindo-se a este investimento afirmou, “quando adquiri o controlo accionista da companhia (100%), transmiti à minha equipa, objectivos e metas, vendermos a frota mais antiga e substitui-la por aviões mais modernos, que oferecessem garantias de uma operação intensiva, com menores custos em manutenção. A chegada destes Boeing B767-300ER, anteriormente propriedade da Hainan Airways, sócia da TAP Air Portugal, vai-nos permitir garantir os contractos em carteira para os próximos anos, e projectar aquisições de novos modelos. O nosso radar continua no construtor americano Boeing, mas também estamos a olhar para a europeia Airbus, no futuro, se for a melhor opção, custo, benefício, teremos de tomar decisões estruturantes. Pretendemos uma euroAtlantic consolidada para os próximos 25 Anos“ disse Tomaz Metello.

A euroAtlantic airways olha o exercício do segundo deste semestre de 2018 com acentuada expectativa, face estar a existir uma inusitada procura de capacidade adicional pelas companhias regulares mundiais. Os pilotos da EAA que voado os Boeing B767-300ER entre a China e Itália, têm elogiado os bons níveis e performances ao nível do cockpit, táxi e voo. Ao longo das próximas Check, todas as cabines irão sendo renovadas. A EAA, além de passar a disponibilizar excelentes equipamentos de logo curso, vai poder dar respostas a todos os quesitos do mercado. Quatro dos seus Boeing B676-300ER terão as mesmas configurações de cabine, outros dois, especificações semelhantes. A EAA incorpora o actual ranking das Mil Maiores empresas portuguesas (posição 317), está no Top Ten da Star Company (Dinheiro Vivo), categoria “Top 10-Serviços” – exportações de serviços. Os novos aviões, além de empregos altamente qualificados vão introduzir mais benefícios no sector das exportações e na economia portuguesa.

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply