0

Com Brexit ou sem Brexit, Portugal quer que os cidadãos britânicos saibam que serão sempre bem-vindos no nosso país e que nunca deixaremos de estar com quem partilhamos a mais antiga aliança do mundo. Para que todos saibam disso mesmo, o Turismo de Portugal lança a campanha #BRELCOME – Portugal will never leave you.

Esta campanha integra o plano de contingência de Portugal para o mercado do Reino Unido, que inclui também uma linha de atendimento online dedicada e uma área informativa específica no portal VisitPortugal. Portugal foi pioneiro na adoção deste plano de contingência na Europa, e que garante aos britânicos que irão manter as condições de viagem de que beneficiam atualmente – designadamente isenção de vistos, criação de corredores dedicados nos aeroportos, utilização dos seguros de saúde ou reconhecimento das cartas de condução.

A campanha promove os ativos do turismo nacional e com um investimento de 200 mil euros vai estar até junho a lembrar que, apesar de mudanças que possam eventualmente estar a chegar, há sempre coisas que não mudam. As nossas praias e os nossos sabores, os nossos campos de golfe e os nossos festivais de música não deixarão nunca de acolher bem os visitantes do Reino Unido.

Para a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, “Portugal está a mostrar ao Reino Unido que, com Brexit ou sem Brexit, criámos todas as condições para continuar a acolher da mesma forma. As medidas aprovadas pelo Governo português foram muito bem recebidas pelos operadores turísticos e pelos britânicos, que são o nosso principal mercado turístico. Já com reflexo nos números turísticos de janeiro, em que o mercado britânico cresceu 4,3%”.

Para o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, “apesar de todas as incertezas, queremos deixar claro que Portugal é um país inclusivo e que todos são bem-vindos. Continuamos a apostar no Reino Unido enquanto mercado estratégico para o turismo nacional e nunca é demais reforçar a afinidade que une os dos países e as nossas culturas”.

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply