AHP cria dois gabinetes para responder aos desafios da hotelaria portuguesa

A Associação da Hotelaria de Portugal (AHP) criou dois gabinetes – “Gabinete de Apoio à Gestão & ao Investidor” e “Gabinete Digital” – tendo em vista apoiar a Hotelaria portuguesa na resposta aos atuais e novos desafios que se colocam aos gestores hoteleiros.

O primeiro foi criado a pensar na prestação de serviços especializados de consultoria para a hotelaria e para os associados da AHP, particularmente no apoio ao desenvolvimento e financiamento de projetos candidatos a fundos comunitários ou nacionais.

Este gabinete é assegurado pela NML Turismo, consultora dedicada à prestação de serviços às empresas turísticas, designadamente, mas não só, para elaboração e submissão de candidaturas a financiamento, desenvolvimento de planos de negócios, estudos de viabilidade, diagnósticos e assessoria na implementação.

O Gabinete Digital resulta do Projeto “Hotelaria Digital by AHP”, que surgiu em 2018, que permitiu às unidades hoteleiras otimizarem a sua presença no digital.  Depois de 2 anos vividos quase 100% online, num mundo cada vez mais digital e dinâmico, foi considerado que era especialmente indicado reforçar a performance e autonomia digital dos associados.

Este gabinete é assegurado pela SmartLinks, empresa que se dedica à prestação de serviços de consultoria e de soluções digitais, nomeadamente Automação, Data Analytics, Criatividade, Design, Estratégia, Campanhas, Search Engine Optimization (SEO) e Search Engine Marketing (SEM), com vista à otimização da operação hoteleira nas áreas do digital e marketing e vendas online.

Para Cristina Siza Vieira, vice-presidente executiva da AHP, “estes gabinetes são o complemento personalizado que faltava em duas áreas cada vez mais cruciais para a Hotelaria nacional. Por um lado, temos um serviço especializado de consultoria e preparação de candidaturas a apoios financeiros. Por outro lado, a pandemia acelerou a transformação digital, e a presença da Hotelaria no mundo digital com o domínio, cada vez mais exigente, dos novos instrumentos de comunicação e venda online, é vital para que os hotéis, mais do que prosperem, sobrevivam. Ambos os Gabinetes – conclui a dirigente – estão totalmente alinhados com os quadros de referência do PRR, PT 2030, Plano de Turismo +sustentável 20-23 e instrumentos e programas mobilizados pelo Turismo de Portugal e pelo Banco Português de Fomento.”

Os gabinetes agora criados asseguram o apoio e aconselhamento básicos gratuitos e divulgação de informação e boas práticas aos associados da AHP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here