APAVT formaliza adesão a programa europeu SUSTOUR

A Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT) formalizou a sua adesão ao programa europeu SUSTOUR, que promove a adoção de ferramentas e práticas de sustentabilidade entre agentes de viagens e operadores turísticos.

No âmbito deste projeto, apresentado no decorrer do congresso da APAVT em Aveiro por Naut Kusters, especialista em sustentabilidade, a associação irá divulgar e oferecer, exclusivamente aos seus associados, apoio técnico no sentido da certificação Travelife e na introdução de ferramentas de gestão de cadeias de carbono, plástico e de fornecimento.

O programa, que integra como parceiros a ECTAA (Confederação Europeia das Associações de Agências de Viagens e Operadores Turísticos), a ECEAT (Centro Europeu para o Turismo Eco e Agro), A ANVR (Associação Holandesa de Agências de Viagens), a SMAL (Associação da Indústria Turística Finlandesa) e a UHPA (Associação Croata de Agências de Viagens), é apoiado financeiramente pelo programa COSME da UE, destinado a dinamizar a competitividade do sector das PME europeias.

O turismo sustentável já não é um produto ou mercado de nicho. Todos os tipos de turismo podem e devem ser tornados mais sustentáveis. E todos os atores da cadeia de valor turístico, incluindo agentes de viagens e operadores turísticos, têm um papel vital a desempenhar nesta transformação. Atendendo ligação que possibilitam entre turistas e empresas fornecedoras de turismo, os operadores turísticos e os agentes de viagens podem influenciar as escolhas dos consumidores, as práticas dos fornecedores e o desenvolvimento nos destinos.

O projeto proporcionará apoio técnico a agentes de viagens e operadores turísticos que pretendam melhorar o seu desempenho de sustentabilidade. Em breve será lançado um convite para candidaturas ao apoio às PME destinado a oferecer aos agentes de viagens interessados e operadores turísticos a oportunidade de trabalharem para a certificação Travelife, que é o principal sistema de formação, gestão e certificação especificamente concebido para agentes de viagens e operadores turísticos e apoiado globalmente pela indústria de viagens.

O apoio técnico incluirá formação, treino um-a-um e coaching de grupo para implementar as melhores práticas de sustentabilidade, e a certificação Travelife. As empresas podem ainda candidatar-se a pacotes específicos de apoio relacionados com a gestão da cadeia de carbono, plástico e/ou fornecimento.

Entretanto, com base no protocolo que a APAVT assinou com a ECEAT, entidade gestora do projecto Travelife, todos os associados beneficiam já da possibilidade de iniciarem, sem custos, o processo de certificação no nível «Travelife Engaged».  Este é o primeiro passo dos três níveis, seguindo-se o selo «Travelife Partner» e o de «Travellife Certified».

No final do projeto, prevê-se que mais de 175 PME beneficiem do programa de apoio financeiro direto mais alargado lançado no âmbito deste projeto.

«Encorajamos os nossos associados a aproveitarem as oportunidades proporcionadas por este projeto e a contribuir passo a passo para um turismo mais sustentável. Como um importante player da cadeia de valor do turismo, temos uma responsabilidade partilhada de gerir o turismo é uma forma sustentável para as gerações atuais e futuras.» afirma o presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here