Emirates e Turismo de Portugal promovem Portugal em conjunto

0
765

A Emirates irá terminar o ano de 2015 com cerca de 700 mil passageiros transportados na rota de Lisboa, desde que a empresa dos Emirados Árabes Unidos começou a operar de Dubai para Portugal em 9 de julho de 2012, dos quais 40% tem como destino final o Dubai e os restantes apenas escolhem aquele Emirado para trânsito, com uma possível paragem de dois ou três dias.

Tal como já havia avançado à Viajar há cerca de quatro meses, altura em que deu uma entrevista de fundo à nossa publicação (revista nº341, de setembro de 2015 – disponível online), a segunda ligação entre Lisboa e o Dubai, que inicia agora em janeiro irá permitir que a companhia aérea passe a transportar 10 mil passageiros por semana, o dobro do que tinha disponível até ao momento, também em Boeing 777-300.

Com a nova ligação, David Quito, country manager da Emirates para Portugal, afirmou, num almoço com jornalistas, que haverá bastantes ligações a serem melhoradas no Dubai. É o caso de Luanda em Angola (que passa de oito para duas horas de trânsito), África do Sul, Índia, Kuait, Qatar, Bangladesh, Paquistão, Irão, Austrália e Cantão (China).

Na tentativa de promover ainda mais estes destinos em Portugal, para chamar mais portugueses para os mesmos, a Emirates e o Turismo de Portugal irão trabalhar em ações de promoção conjuntas nesses países, nomeadamente ao nível de famtrips e workshops promocionais.

“Neste momento temos que crescer sobre o crescimento, o que é mais complicado. O caminho é analisar todos os segmentos de mercados que estão ao nosso alcance, não só de Portugal para fora, como também para o público-alvo que procura Portugal. Por isso, iremos apostar no segmento do turismo religioso, e temos as Filipinas e a Indonésia como potenciais mercados, no turismo gastronómico e no surf”, revelou o responsável.

Embora não tenha avançado com números, David Quito garante que, nesta primeira fase, as reservas para o novo voo vão de vento em popa e para a operação foram contratados mais dez funcionários para o aeroporto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here