Fátima acolhe 33º Congresso Nacional da Hotelaria e Turismo de 16 a 18 de novembro

A Associação da Hotelaria de Portugal (AHP) assinou, no decorrer da BTL, os protocolos, com o Município de Ourém e o Turismo do Centro de Portugal, que visam a realização do 33º Congresso Nacional da Hotelaria e Turismo, de 16 a 18 de novembro, no Centro Pastoral Paulo VI, em Fátima.

O Congresso anual da AHP, que já vai na 33ª edição, tem como objetivo promover o debate e a partilha de experiências sobre o Turismo e a Hotelaria, contando para isso com a presença de diversos especialistas nacionais e internacionais.

Cristina Siza Vieira, vice-presidente Executiva da AHP, sublinhando que “a importância do Turismo religioso e de Fátima como destino turístico são inegáveis”, regista no entanto que “ainda há algum desconhecimento do grande relevo de Fátima como destino turístico nos mercados  internacionais, do seu relevo económico e do seu potencial de afirmação. Por outro lado, Fátima foi um destino fortemente impactado pela pandemia, um dos mais penalizados mesmo, e, por isso, levarmos o Congresso a Fátima é relevante, quer para chamarmos a atenção para as potencialidades de Fátima, quer para dar um impulso à sua retoma”. Nesta assinatura a responsável da Associação aproveitou para destacar: ”Desde a primeira hora que tanto o Município de Ourém, como o Turismo do Centro de Portugal se mostraram entusiasmados e totalmente disponíveis para serem parceiros da iniciativa, pelo que aqui estamos para iniciar a preparação deste que será o primeiro Congresso da AHP em Fátima” .

Na sua intervenção, Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal, sublinhou a grande importância da realização do Congresso da Hotelaria num ano de retoma do crescimento e de confiança dos operadores, mas também o efeito de descentralização e de envolvimento do território que a sua realização na cidade de Fátima demonstra. E mostrou-se convicto de que este Congresso pode ser  um renovar de confiança na atividade das empresas, não só na sua recuperação, mas também na sua resiliência.

Fechando a cerimónia de assinatura dos protocolos, o presidente do Município de Ourém, Luis Miguel Albuquerque, agradecendo a escolha feita pela Associação da Hotelaria de Portugal, afirmou que estão reunidas todas as condições para receber muito bem o Congresso, designadamente porque  Fátima têm um ótimo espaço para a realização de eventos, o Centro Paulo VI,  que irá demonstrar a abertura e preparação de  Fátima para o  Turismo de eventos e congressos. De resto, a hotelaria de todo o concelho está totalmente capacitada para um excelente acolhimento dos congressistas e o Congresso da AHP irá também contribuir para aumentar a estada média na hotelaria local, concluiu o autarca.

A assinatura dos protocolos contou ainda, em representação da AHP,  com Alexandre Marto Pereira,  vice-presidente da AHP, hoteleiro da região e CEO do Fátima Hotels Group.

Para celebrar esta ocasião, a Escola de Hotelaria de Fátima serviu Doce “Carmelito”, produto inspirado na Rota Carmelita, e Vinho Medieval.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here