Tags Post com a tag "Açores"

Açores

1

O operador turístico Nortravel anunciou que já tem disponível no seu website a nova Brochura “Açores – Circuitos, Combinados e Estadias” para 2016.

A brochura, que em breve entrará em distribuição pelas agências de viagem, inclui circuitos, combinados e estadias.

Destacam-se os circuitos em regime de Tudo Incluído com guia privativo “Circuito São Miguel”, “Circuitos São Miguel e Terceira de Lisboa e do Porto”, “Circuitos Açorianos – Maravilhoso e Encantador” e o “Circuito Tesouros do Atlântico”. Todos os circuitos têm saídas semanais com durações entre cinco e oito dias de viagem em grupo.

Os circuitos Clássicos, também com guia privativo, dividem-se entre o “Circuito Faial e Pico” e o “Circuito Viva a Natureza” com saídas semanais entre quatro a oito dias de viagem em grupo, e o Circuito São Miguel “Natureza Viva” e “Natureza Viva Total” com saídas diárias, entre cinco a oito dias de viagem.

Para além dos circuitos, a Nortravel também oferece combinados e estadias de uma, duas ou três ilhas como o Circuito Açoriano, Combinado São Miguel e Terceira, Combinado São Miguel e Faial ou Pico e estadias nas ilhas de São Miguel, Terceira e Faial, com preços desde 186 euros.

 

0

A GO4TRAVEL acaba de anunciar, na sua perspetiva, os 10 destinos que vão estar na moda em 2016.

Assim, este ano o destaque vai para:
1. Marrocos – é o destino completo. Está perto e no entanto transporta-nos para o universo das mil e uma noites. O circuito das Cidades Imperiais, a herança portuguesa presente nas várias fortalezas, a deliciosa gastronomia, as praias ou simplesmente o espírito de aventura são argumentos de peso. Eventos como o Essaouira Gnaoua and World Music Festival, que este ano decorre de 12 a 15 de Maio, são uma boa razão para uma visita.
2. Brasil – sim, o Brasil nunca deixa de estar na moda, mas também é certo que nos últimos anos se tornou um destino caro. Por quê viajar até ao Brasil este ano? Os nossos irmãos brasileiros não precisam de grandes argumentos para estar em festa, mas os Jogos Olímpicos, que decorrem no Rio de Janeiro de 5 a 21 de Agosto, prometem festa o ano todo. Mas se não gosta de muita confusão, pode sempre aproveitar agora que o Real está barato e descobrir Porto Seguro, Alagoas ou a Bahia.
3. Itália – A eterna Itália nunca deixa de estar na moda e os muitos voos directos para vários destinos tornam o destino ideal para uma escapadela de fim-de-semana. Começar por Roma e alugar uma vespa, sendo transportado para o intemporal filme “Férias em Roma”, de 1953, com a fantástica Audrey Hepburn; ou simplesmente navegar pelos canais de Veneza e imaginar-se no 007, Casino Royale. Mas se procura mesmo algo de diferente, experimente a Costa Amalfitana, uma estrada de 60 kms entre Sorrento e Salerno que é de uma beleza que o vai deixar de boca aberta. Ah… e com o coração nas mãos, também!
4. Moçambique – Já ouviu certamente inúmeras histórias sobre a colonialização portuguesa. O que provavelmente poucos lhe dizem é que a norte, perto da cidade de Pemba, reside o Arquipélago das Quirimbas. Há quem diga que é um pedaço de paraíso. Aterre em Maputo e vá directo para o Hotel Polana e peça um gin tónico. Prepare-se para descobrir algumas das praias mais bonitas do mundo.
5. Polónia – Provavelmente nunca ouviu falar da Breslávia, certo? Ou Wroclaw? Pois bem, trata-se da quarta maior cidade da Polónia e é a Capital Europeia da Cultura em 2016. A cidade desenvolveu-se sobre uma dúzia de ilhas e ilhotas enquadradas pelo rio Odra e uma série de afluentes que nele entroncam. E este ano prometem festa da rija com um sem número de manifestações culturais e dezenas de argumentos para a visitar.
6. Espanha – Já visitou Madrid e Barcelona. Já andou pelas Baleares ou o sul de Espanha, então o que lhe falta? San Sebastian, a capital do País Basco é este ano co-Capital Europeia da Cultura. Mas como nem só de cultura vive um homem, se lhe dissermos que dos sete restaurantes com três estrelas Michelin em todo o mundo, três estão em San Sebastian já está convencido? No total são 16 estrelas num raio de 25 kms!!
7. Madeira – É daqueles destinos que nunca sai de moda. O célebre Carnaval do Funchal, as Festas das Flor, o Festival do Atlântico ou o Funchal Jazz são apenas algumas das dezenas de festividades que a região oferece. Todos os meses há um acontecimento a justificar uma nova visita. E depois há a impressionante natureza e a deliciosa gastronomia.
8. Vietname – É dos destinos que mais surpreende pela positiva. A simplicidade das suas gentes, a beleza das paisagens da montanhas em Sa Pa, as cidades Património da Humanidade como Hoi Na ou Huê, a cosmopolita Saigão ou a idílica ilha de Phu Quoc, não sem antes se aventurar pelo Delta do Mekong tornam esta uma das estrelas mais brilhantes da Ásia.
9. Croácia – Ano após ano a Croácia tem vindo a afirmar-se como um fantástico destino de férias. Longe vãos os conturbados tempos de guerra. Agora os tempos são de paz e de descobrir as centenas de encantadoras ilhas deste país. Comece por Split e o melhor mesmo é juntar-se com uns amigos e partir à descoberta num barco à vela. Não pode perder o Parque Natural das Ilhas Kornati, um passeio ao fim de tarde pela cidade de Zadar ou então o Parque Nacional dos Lagos Plitvice.
10. Açores – Os Açores estão na moda e são inclusive candidatos ao prémio de melhor destino europeu em 2016. Os voos estão baratos, a oferta hoteleira modernizou-se e existe hoje um sem número de empresas que se dedicam à animação turística, do Whale Watching ao Treking. O difícil vai ser escolher a ilha. São 9 ilhas e 12 meses no ano. Há tempo!

Vitor Filipe, presidente do Conselho de Administração da GO4TRAVEL, refere que “está lista é o resultado de uma consulta interna às 38 empresas acionistas e que mais do que criar uma lista de destinos de inspiração para 2016, apontam aquelas que serão as principais tendências de viagens este ano”. De acordo com este responsável, “este Top 10 de Destinos 2016 corresponde também ao início de uma postura mais dinâmica da Go4Travel”.

0

Os aeroportos portugueses registaram ainda o maior crescimento de sempre em 2015, com um total de 38,9 milhões de passageiros, a fixar um novo máximo, a taxa de crescimento face a 2014 é de 11%, foi hoje divulgado pelo presidente da ANA – Aeroportos de Portugal, num encontro promovido com a imprensa.

A maior subida em termos percentuais foi registada nos aeroportos dos Açores, onde o crescimento foi de 25,7%, chegando a 1,6 milhões de passageiros. Segundo Ponce de Leão estes dados deveram-se sobretudo à “liberalização das ligações aéreas” no arquipélago.

O Aeroporto de Lisboa conseguiu ultrapassar a barreira dos 20 milhões de passageiros. Uma subida de 10,7% face ao ano anterior. Nos últimos três anos o aeroporto da capital cresceu 4,8 milhões de passageiros, quando nos oito anos anteriores o incremento tinha sido de 4,6 milhões.

O Aeroporto do Porto atingiu 8,1 milhões de passageiros, uma subida de 16,7%, ou seja 1,2 milhões de passageiros a mais que em 2014, ao passo que em Faro o crescimento foi de 6,4%, para os 6,4 milhões de passageiros me, por último, na Madeira atingiu-se os 2,7 milhões de passageiros, mais 6,3% que no ano passado.

Um esforço na “atratividade dos aeroportos da rede” e na “captação de novas rotas e companhias aéreas”, tal como o “crescimento do tráfego low cost” foram apontados como os principais fatores para o bom ano de resultados dos aeroportos portugueses.

0

A ANA – Aeroportos de Portugal e a VINCI Airports vão investir 71,8 milhões de euros nos aeroportos portugueses, divulgou hoje o presidente da empresa portuguesa de gestão aeroportuária, Jorge Ponce de Leão, num encontro hoje com a imprensa no Aeroporto de Lisboa.

O maior montante, no valor de 33,5 milhões de euros, será aplicado, como não poderia deixar de ser, no Aeroporto de Lisboa e augura no Terminal 1 a reformulação das áreas de controlo, uma melhor capacidade nas zonas de check-in e despacho de bagagem, assim como uma remodelação na área de controlo de segurança. Algumas destas obras já estão em curso e têm previsão de conclusão em maio próximo.

Já no Terminal 2, devido ao elevado aumento das operações das companhias de low-cost, serão investidos 2,6 milhões de euros, sobretudo na melhora de capacidade de controlo de segurança dos passageiros e alargamento da zona de embarque e área de check-in, com termino previsto para antes da época alta de Verão. Tal como afirmou o responsável, “o investimento neste Terminal 2 não estava inicialmente previsto, mas num período rápido de tempo forma encontradas soluções criativas para resolver o estrangulamento” deste terminal.

Numa remodelação quase total do terminar de passageiros, 25 milhões de euros é quanto será investido no Aeroporto de Faro, o segundo maior montante, logo após Lisboa, embora ao que pareça este valor está 10 milhões abaixo do orçamentado, que ultrapassa os 35 milhões de euros.

Já os aeroportos dos Açores, no seu todo, irão receber 5,9 milhões, o do Funchal abarcará quatro milhões e o do Porto apenas 3,9 milhões de euros.

0

A TAP está a reforçar a sua oferta global no período de Natal e Ano Novo com um total de 138 voos extraordinários que ligam, sobretudo, Lisboa e Porto a cidades onde existem comunidades portuguesas significativas, como Luanda, Maputo, Caracas, Genebra, Zurique, Luxemburgo e Paris.

Este reforço de operação da companhia aérea nacional que dá resposta à elevada procura que se regista neste período contempla também ligações extraordinárias para as regiões autónomas da Madeira e dos Açores.

No total, com a realização destes voos extraordinários, a TAP adiciona mais cerca de 24 mil lugares à sua oferta, servindo desta forma os portugueses na diáspora.