TAP junta-se às comemorações do centenário da 1ª Travessia do Atlântico Sul

A TAP associa-se às comemorações do centenário da Travessia do Atlântico Sul de Gago Coutinho e Sacadura Cabral batizando, durante o ano de 2022, um dos seus aviões com o nome “Santa Cruz”. O A330-900 recebeu assim o nome do último Fairey III que a dupla usou para chegar ao Rio de Janeiro há 100 anos e está decorado também com a Cruz de Cristo usada na viagem do comandante Artur Sacadura Freire Cabral e do almirante Carlos Viegas Gago Coutinho, que começou a 30 março de 1922.

A companhia junta-se assim à celebração do feito dos dois aeronautas que chegaram ao Brasil a 17 de junho desse ano, graças a um método de navegação aérea desenvolvido pelos próprios e que viria a influenciar toda a aviação moderna. A viagem foi um marco ao confirmar que era possível atravessar o oceano de avião, de forma rigorosa e precisa, e tendo a bordo apenas instrumentos portáteis de navegação astronómica. O centenário está a ser celebrado agora pela Marinha e pela Força Aérea, numa organização da Comissão do Centenário das Travessia Aérea do Atlântico Sul (https://www.marinha.pt/pt/100taas), a que a TAP se associa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here