SET: Este é um “voo crucial para aumentar os fluxos turísticos com...

SET: Este é um “voo crucial para aumentar os fluxos turísticos com a China”

0

A secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, afirmou, esta quarta-feira, em declarações à Revista Viajar, à margem da cerimónia do voo inaugural da Beijing Capital Airlines, que chegou a Lisboa proveniente de Pequim, que este é um “voo crucial para aumentar os fluxos turísticos com a China”, relembrando que só nestes três voos semanais que vão agora começar “já temos 40 mil pessoas que poderão viajar diretamente para Portugal”.

Ana Mendes Godinho divulgou ainda que só nos primeiros cinco meses do ano (janeiro a maio), Portugal registou um crescimento de 38,8% de hóspedes chineses, com 97.997 turistas chineses, que se traduziu em 157.735 dormidas, ou seja, mais 37% que em igual período de 2016.

“Um número completamente recorde se pensarmos que em 2014, no ano inteiro, registámos 113 mil turistas. Vamos claramente ultrapassar os 200 mil turistas chineses este ano e isto é apenas o início de uma grande relação com a China e a partir de novembro já se perspetiva um quarto voo”, fez ainda saber a mesma responsável.

Em termos de vantagens, a responsável pelo pelouro do Turismo frisou ser importante ligar os dois destinos e sobretudo garantir que “os chineses passam a poder entrar ou sair da Europa através de Portugal, o que nos permite aumentar a estadia em território nacional. Até agora a maioria dos chineses que chegam ao nosso país fazem-no através de Madrid, passando grande parte da sua viagem em Espanha e vêm a Portugal apenas um ou dois dias no máximo”, acrescentando que no momento em que passam a poder entrar e sair de Portugal “garantimos que conseguimos montar operações com muito mais permanência aqui, e por isso estamos a trabalhar com várias operadoras chinesas, como a Ctrip e a Alitrip, para no fundo podermos também programar e termos já pacotes/programas para ficarem mais tempo em Portugal. Foi criada uma página do destino Portugal na Fliggy (a página de viagens do Alibaba) que tem 600 milhões de utilizadores registados. Sem este voo direto não conseguíamos fazer esta entrada direta aqui.”

Para a Secretária de Estado do Turismo mais do que atrair mais companhias aéreas chinesas é “fidelizar a Beijing Capital Airlines, garantir que aumentam os voos e, quem sabe mesmo, voarmos para outros destinos na China e no Oriente com a companhia, esse é o objetivo”.

Recorde-se que a China é o maior mercado emissor mundial de turistas e, simultaneamente, o que mais gasta. Só em 2016 viajaram para o estrangeiro 135 milhões de turistas chineses gastando 246 mil milhões de euros. Segundo dados de 2016 do INE – Instituto Nacional de Estatística, o mercado chinês é o 14.º para Portugal e o 9.º para a região do Alentejo.

SEM COMENTÁRIO

Leave a Reply