BTL ambiciona consolidar produto de venda ao consumidor final

0
852

“Esta feira arrisca-se a ser um grande sucesso”, afirmou Vítor Neto, presidente da comissão organizadora da BTL, em declarações à imprensa, no passado dia 18 de dezembro, no Centro de Congressos de Lisboa, referindo-se à 28ª edição do certame, que terá lugar, na FIL, Parque das Nações, entre 2 e 6 de março.

Esta edição é vista por Fátima Vila Maior, diretora de área de feiras da FIL responsável pela BTL, como a “consolidação do produto de venda ao consumidor final”, que teve como ano experimental a edição de 2015, e que a responsável acredita que está a ter bom resultado, dando como exemplo o facto de três operadores já terem solicitado espaços maiores nessa área da feira para este ano. São eles a Abreu, a Q’Viagens/Airmet e o Grupo GEA.

Com 7.000 m2 já contratados, o que representa um aumento de 10% face a igual período de 2014 referente à edição de 2015, a primeira fase de atribuição dos espaços aos expositores já foi realizada.

Para Vítor Neto os anos menos bons do turismo e, consequentemente, da BTL “já foram ultrapassados” mas garantiu que esta fase mais positiva só foi conseguida com muita “persistência”. “Demonstra que estávamos certos e dá-nos muita força para apostar ainda mais no próximo ano”, enalteceu.

Também Fátima Vila Maior afiançou estarem “confiantes na edição de 2016” em que estão a registar um “grande movimento dos expositores, em particular no setor da distribuição, o que irá refletir-se no aumento do número de operadores”. Para já está confirmada a presença da Halcon Viagens e da Tui Viagens, que não estiveram presentes na feira nos últimos anos. “Assim, podemos já garantir uma maior oferta de produtos e serviços a quem nos visita. A BTL volta a afirmar-se como um espaço privilegiado onde os portugueses poderão encontrar pacotes de viagens a preços muito competitivos”, enalteceu a diretora do certame.

Outra das novidades da BTL 2016 será a reorganização dos espaços com vista à otimização, rentabilização e mais visibilidade dos expositores.

A APAVT terá um espaço mais central e de dimensão maior, no pavilhão 3, e lounge dos hosted buyers, no pavilhão 2, será reposicionado no conceito da feira.

Enquanto destino convidado, o Algarve estará em destaque no pavilhão 1 e no que toca a destinos internacionais o Egipto será o regresso mais notório à BTL, ao passo que o Japão participará pela primeira vez. Marrocos, Moçambique, Tunísia, Cabo Verde, Índia, Malásia, Tailândia, China, Indonésia, Cuba, República Dominicana, Panamá, Andaluzia e os tradicionais destinos brasileiros, também já confirmaram a sua presença.

A nível de eventos e atividades, no dia 2 de março, terão lugar os Prémios Publituris e no dia seguinte haverá o Fórum do Instituto para a Promoção e Desenvolvimento da América Latina (IPDAL) e uma conferência sobre “Turismo e os Festivais de Música” organizada pelo TalkFest, que decorre em simultâneo com a BTLe a Gala dos Iberian Festival Awards. No dia 4 de março irão realizar-se ainda os Prémios “Tourism Train Experiences”, uma organização da Universidade Europeia, tal como o “Fórum Turismo 2.1”, em colaboração com a Amadeus Portugal e a BTL, com mais de 200 oportunidades de emprego ligadas ao sector do Turismo.

A BTL 2016 irá contar com mais de mil expositores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here