Ucrânia vai receber o apoio da APAVT na reconstrução do seu turismo após cessar da guerra

A Ucrânia é o destino convidado do stand da APAVT na BTL e Pedro Costa Ferreira, presidente da maior associação que representa os agentes de viagens em Portugal, afirmou esta quinta-feira, 17 de março, em conferência de imprensa, no decorrer do certamente, que “a Ucrânia irá ser, nos próximos anos, convidada deste stand enquanto o queira”.

Pedro Costa Ferreira vem, uma vez mais, reiterar o apoio da APAVT para com o povo ucraniano e alerta que “o maior desafio da Ucrânia será quando a guerra acabar”, com a reconstrução do país e da sua economia e afirma que “é nesse grande desafio que a APAVT vai querer participar”, sobretudo após o rescaldo da guerra, “quando os focos mediáticos não estiveram mais centrados na Ucrânia. Estas é um reconstrução que vai ser difícil”.

Relembrando que aquele país do leste europeu recebia em torno de 14 milhões de turistas anualmente, o dirigente associativo diz que irão ajudar a “promover” o seu turismo assim que os conflitos cessarem. Enquanto isso não acontece ofereceu-se para ajudar o povo ucraniano, que decida vir para Portugal, a arranjar emprego no turismo, que tanto tem reclamado a falta de mão de obra, sobretudo no pós-pandemia.

A Embaixadora da Ucrânia, Inna Ohnivets, também presente na conferência de imprensa, demonstrou a sua preocupação com a preservação dos locais de interesse turístico do país, sobretudo com os patrimónios mundiais da UNESCO, que poderão correr o risco de virem a ficar destruídos” e, com eles, “uma grande parte da cultura e história da Ucrânia”.

“A Ucrânia tem o direito de preservar a sua história, património e tradições e acreditamos que, num futuro próximo, depois da nossa vitória nesta guerra, iremos abrir os nossos braços hospitaleiros ao mundo e a todos aqueles que nos queiram visitar”, enalteceu a diplomata.

Inna Ohnivets adiantou ainda que Portugal já recebeu mais de 11 mil refugiados desde que a Ucrânia começou a ser bombardeada pela Rússia e aproveitou a ocasião para agradecer todo o apoio recebido por parte do Governo e toda a solidariedade do povo português.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here